Home > Artigos > A IA Geoespacial - O Desenvolvimento de Novas Áreas de Negócio - 2 de 2

08-05-2023

A IA Geoespacial - O Desenvolvimento de Novas Áreas de Negócio - 2 de 2

Inteligência, Artificial, Geoespacial, Desenvolvimento, Novas, Áreas, Negócio


O despertar da Inteligência Artificial (em especial em redor do ChatGPT) permite-nos antever a aplicação da inteligência artificial na vertente geoespacial e por consequência muitas mudanças no mundo dos negócios relacionados com a vertente SIG.


Inteligência Artificial Geoespacial

 

A fusão da inteligência artificial com todas as indústrias e tecnologias relacionadas com a análise geoespacial abre um mundo de oportunidades. Atualmente, a Inteligência Artificial Geoespacial representa uma das tecnologias emergentes mais empolgantes. Tanto os governos como as empresas do setor privado estão a explorar qual a melhor forma de tirar todo o potencial e de utilizar esta forma supereficiente de análise de dados.

 

Nesta vertente são 3 as grandes perspetivas de desenvolvimento de soluções:

  • Maior grau de precisão dos dados geoespaciais recolhidos através de drones e satélites (deteção remota);
  • Significativos avanços na vertente de Visão Computacional, Rotulagem de Dados e Machine Learning;
  • Maior grau de processamento de dados em resultado do aumento exponencial do poder computacional.

 

O Futuro da Inteligência Artificial Geoespacial

 

A inteligência artificial não algo do futuro, mas sim do presente! Já são muitas as organizações governamentais e empresariais a utilizar a tecnologia de inteligência artificial.

 

Já há organismos governamentais a utilizar a mesma tecnologia para não só informar as pessoas sobre os diferentes serviços e registos que estão disponíveis através da Internet (com base nos princípios do ChatGPT), mas também a ser aplicada no âmbito da validação da autenticidade de documentos (visão computacional) necessários para processos de concessão da nacionalidade, em que a inteligência artificial deverá agilizar a desmaterialização dos pedidos.

 

Na vertente geoespacial, atendendo às preocupações relacionadas com as alterações climáticas, a aplicação da inteligência artificial está a ser utilizada para analisar múltiplas fontes de dados geoespaciais de satélite altamente detalhados.

 

Segundo o relatório da Boston Consulting Group (How AI Can Be a Powerful Tool in the Fight Against Climate Change), realizado em parceria com a AI for the Planet Alliance, a aplicação de tecnologias de análise avançada e inteligência artificial na minimização das alterações climáticas e na minimização dos seus impactos nos negócios é essencial para que se mude o rumo do planeta.

 

Atendendo à crise imobiliária vivida no Canadá, outro exemplo é o caso de empresas imobiliárias e hipotecárias canadenses que estão a utilizar a inteligência artificial para analisar dados de satélite com o intuito de rastrear o desenvolvimento dos mercados imobiliários como nunca antes.

 

Outra vertente onde será por demais evidente o impacto da inteligência artificial geoespacial é a que está relacionada com os municípios e cidades inteligentes. Como vimos são muitas as tecnologias que estão a potenciar soluções mais inteligentes para as cidades e para os seus habitantes.

 

A estratégia portuguesa para a inteligência artificial tem como principal objetivo “explorar as diferentes potencialidades da inteligência artificial na economia e na sociedade, bem como a sua aplicação em áreas como as redes de energia sustentável, cidades, florestas e oceanos, mobilidade, condução autónoma ou saúde.”

 

À medida que a inteligência artificial geoespacial atinge a maioridade, definitivamente iremos também ver um aumento nos sistemas inteligentes de gestão de fluxo de trabalho. Estas tecnologias irão melhorar o desempenho geral e o lucro dos setores que adotarem esta tecnologia.

 

Conclusão

 

Como forma de conclusão, é inquestionável que há várias décadas já existiam disponíveis muitos dados geoespaciais de satélite com elevado grau detalhe, mas a grande diferença é que no entretanto houve significativos avanços geoespaciais ao nível da precisão, inteligência artificial e processamento de dados que nos permitiram desbloquear todo a seu potencial.

 

São muitas as publicações numa ampla gama de setores que estão a falar sobre os significativos benefícios comerciais destes recentes avanços tecnológicos e em especial de todo o potencial associado à inteligência artificial.

 

Os recentes avanços tecnológicos são impressionantes e estão a acontecer em catadupa: ao nível do 3D, realidades mistas (AR e VR), digital twins, 5G, cloud, internet of things, big data, data analytics, deteção remota, inteligência artificial, machine Learning e deep Learning. Todo este recente avanço tecnológico está a reunir as condições para ampliar a exploração de todo o potencial associado aos sistemas de informação geográfica.

 

Artigos relacionados:

 

 

 

 

 
 
 

👉 Follow @niuGIS

RELACIONADAS


18-12-2023